​                                                                                                                                                                                                                                         (33) 99106.5729 / (31) 99149.6384
                                                                                                                                                                                                                                    marliandrade@marliandrade.com.br

                                                                                                                                                                                                                                                ph@marliandrade.com.br
                                                                                                                                                                                                                                                                         
​​

NOTÍCIAS 2016

 30 de novembro de 2016 – Vale do Rio Doce/MG

 A Psicanalista Marli Andrade conclui a 2ª Edição do Projeto Cultural “Criança que lê  constrói uma sociedade melhor a cada  página” presenteando mais de 3.000 crianças com  a Coleção Cultural de sua autoria

Entre os meses de março e novembro de 2016, os municípios de Cantagalo, Paulistas, São João Evangelista, Sabinópolis, Virginópolis, Dores de Guanhães, Santa Maria de Itabira, Gonzaga e Sardoá, todos localizados na região leste do estado de Minas Gerais, foram contemplados com o Projeto Cultural da Psicanalista Marli Andrade, proponente da iniciativa junto ao Ministério da Cultura.


O Projeto foi uma realização do Governo Federal, com patrocínio da CENIBRA, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, e apoio do Instituto CENIBRA e das Prefeituras Municipais.


Cada município contou com uma programação construída de acordo com as suas características e foram realizadas diversas atividades para as crianças e seus familiares, além dos profissionais das Redes Públicas Municipais e APAEs.


Foram presenteadas com a Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy”:

  • 2.696 crianças das Redes Municipais de Educação, com idade entre 3 e 6 anos;
  • 56 Educandos do Projeto Girassol da Secretária Municipal de Assistência Social de Virginópolis – ação pontual; 
  • 324 alunos Especiais das APAEs e dos AEEs - Atendimento Educacional Especializado das Redes Municipais de Educação.

O total de beneficiários foi de 3.076 crianças e alunos Especiais.


Ao final da execução do Projeto Cultural, as atividades de qualificação contabilizaram os seguintes números:

  • 149 Ações Técnicas de qualificação, entre palestras e oficinas;
  • 280 horas de carga horária total;
  • 303 Educadores foram qualificados e receberam o Kit do Educador;
  • 1.003 Famílias das crianças e alunos beneficiados participaram de palestras sobre a importância do incentivo à leitura;
  • 2.939 pessoas registraram presença nas atividades.


Com grande aceitação por parte do público beneficiado, a Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy” foi aceita pelas crianças e seus familiares de forma clara e emocionante, sendo que para a maioria das crianças foi o primeiro livro que tiveram oportunidade de levarem para suas casas.


O mesmo ocorreu com relação à qualificação dos profissionais da Educação, sendo relatado que para a maioria foi a primeira participação em qualificação específica para a Educação Infantil.


O Projeto Cultural semeou a proposta de diálogo integrado, disponibilizou estudos e ferramentas para o aprimoramento da prática pedagógica partindo dos princípios do fortalecimento de vínculos e valorização profissional, adquirindo equilíbrio emocional nas relações profissionais e possibilitando que as crianças alunos também os adquiram, e indicou aos familiares que eles também são responsáveis pelo desenvolvimento educacional das crianças, sobretudo quando incentivam a leitura e fomentam o respeito à vida, ao meio ambiente, aos valores de seu povo e assim, possam juntos, contribuir na construção de uma sociedade melhor a cada página.


logo_projeto_pronac_1414217.png

 21 a 25 de novembro – Sardoá/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

 24 de novembro – Gonzaga/MG

 Projeto “Sustentabilidade rumo à Cidadania” – Escola Estadual São Sebastião

 12 de novembro - Capelinha/MG

 Prêmio Sou Mais MInas

 07 a 11 de novembro – Gonzaga/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

 24 a 28 de outubro – Santa Maria de Itabira/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

 18 a 21 de outubro – Dores de Guanhães/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

Dores de Guanhães foi o sexto município a receber a Etapa de Produção/Execução do Projeto Cultural que presenteou as crianças com idade entre 3 e 6 anos e os alunos Especiais da Rede Municipal de Educação com exemplares da Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy”.


Os familiares dos alunos beneficiados participaram de palestras sobre a importância do incentivo à leitura, sendo que a programação também contemplou as comunidades rurais de Vila Esperança e Povoado Macaquinho com atividades realizadas nas Escolas da Rede Municipal que atendem a população destas localidades.


Os educadores que atuam com os alunos beneficiados pelo Projeto Cultural participaram de diversas atividades de qualificação profissional e foram presenteados com kits “Lili e Tedy do Educador”.


O Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”, que é uma iniciativa da Psicanalista Marli Andrade com realização do Ministério da Cultura e patrocínio da CENIBRA através da Lei de Incentivo à Cultura, distribuiu gratuitamente em Dores de Guanhães mais de 230 exemplares da Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy” e 30 kits “Lili e Tedy do Educador”.

 23 de setembro – Sardoá/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

 21 de setembro – Gonzaga/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

 20 de setembro – Dores de Guanhães/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

 06 de setembro – Santa Maria de Itabira/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

 02 de setembro – Itamarandiba/MG

 Ciclo de palestras “Vamos falar sobre trabalho infantil”

 15 de agosto – Virginópolis/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

 15 de agosto – São João Evangelista/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

 12 de agosto – Vale do Rio Doce/MG

 Troféu Quem faz Mostra - Por Marcianita Barroso – TV Leste – Rede Record

 30 de junho – Vale do Rio Doce/MG                    

 Troféu "Quem faz Mostra" - Por Marcianita Barroso – TV Leste – Rede Record

 TV EM FOCO DOS VALES 

 20 a 24 de junho – Virginópolis/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

O calendário planejado para o primeiro semestre de 2016, para a execução da etapa de Produção/execução do Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”, foi finalizado em Virginópolis.


O município recebeu a equipe técnica para uma semana de atividades junto ao público beneficiário do Projeto Cultural e foram realizadas ações na Sede urbana, bem como nas comunidades rurais de São Bento, Céu Aberto, Córrego Caetés, Mexerico e Povoado Boa Vista.


Além da parceria com a Secretaria Municipal de Educação, a APAE e a Secretaria Municipal de Assistência Social, através do Projeto Girassol, também participaram das ações.


Na Rede Municipal de Ensino, os alunos com idade entre 4 e 6 anos matriculados na Educação Infantil e no 1º ano do Ensino Fundamental foram presenteados com exemplares da Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy” e seus Pais e Familiares participaram de palestras sobre a importância do incentivo à leitura desde a Primeira Infância, bem como dos jogos e brincadeiras para o desenvolvimento psicomotor, social e emocional das crianças. O alunado da APAE e os educandos do Projeto Girassol também receberam as Coleções Culturais.


Os Educadores e servidores da Secretaria Municipal de Educação participaram de diversas atividades e, especificamente, os profissionais que participaram da oficina “Conceitos, estratégias e práticas para a construção de um ambiente psicossocial, motor, alfabetizador” receberam gratuitamente o kit “Lili e Tedy do Educador”.


O Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”, que é uma iniciativa da Psicanalista Marli Andrade, com realização do Governo Federal, através do Ministério da Cultura, patrocínio da CENIBRA, através da Lei de Incentivo à Cultura, apoio do Instituto CENIBRA e da Secretaria Municipal de Educação de Virginópolis, distribuiu gratuitamente mais de 450 exemplares da Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy” e 60 kits “Lili e Tedy do Educador”.

 06 a 10 de junho – Sabinópolis/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

Sabinópolis foi o quarto município, dentre os nove beneficiados do Leste de Minas Gerais, a receber a etapa de Produção/execução do Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”, sendo uma iniciativa da Psicanalista Marli Andrade, com realização do Governo Federal, através do Ministério da Cultura, patrocínio da CENIBRA, através da Lei de Incentivo à Cultura, apoio do Instituto CENIBRA e da Secretaria Municipal de Educação.


A programação do Projeto Cultural foi planejada em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e, durante cinco dias, diversas ações foram realizadas no município, inclusive nas comunidades rurais de Córrego do Almeida, Córrego Santo Antônio, Cachoeira Alegre e Fazenda Santo Antônio. A APAE, beneficiária direta do Projeto Cultural, realizou uma ação que foi prestigiada com a participação de Pais e Familiares, quando os alunos foram presenteados com exemplares da Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy”.


Os alunos da Rede Municipal de Ensino, crianças com idade entre 4 e 6 anos, também foram presenteados com as Coleções Culturais e seus Pais e Familiares participaram de palestras sob o tema “O doce desafio de alinhar a comunicação entre Família, Criança e Escola”, que abordou a importância do incentivo à leitura desde a Primeira Infância.

Os Educadores da Rede Municipal e servidores da Secretaria Municipal de Educação participaram de palestras com temas voltados à valorização profissional, fortalecimento de vínculos e sobre a atuação em Rede com enfoque em ações transversais com as demais pastas da Administração Pública, outros órgãos públicos e setores da sociedade civil.


A oficina “Conceitos, estratégias e práticas para a construção de um ambiente psicossocial, motor, alfabetizador” foi voltada para os Educadores que atuam diretamente com as crianças beneficiárias do Projeto Cultural, bem como para os profissionais da APAE.  


Ao final da execução foram contabilizados mais de 250 alunos da Rede Municipal de Educação e da APAE presenteados com a Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy” e distribuídos mais de 30 kits “Lili e Tedy do Educador” para os Educadores.  

 30 de maio a 02 de junho – São João Evangelista/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

São João Evangelista recebeu entre os dias 30 de maio e 02 de junho diversas atividades realizadas pela equipe técnica do Projeto Cultural em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, contemplando, além do público beneficiário da sede do município, as comunidades rurais de Nelson de Sena, Baguari, Palmital, Cansanção e Ribeirão da Mesa.


Palestras abordando a importância do incentivo à leitura desde a Primeira Infância para o desenvolvimento e crescimento com mais equilíbrio emocional foram ministradas pela Psicanalista e Doutora em Psicologia Social Marli Andrade para Pais e Familiares das crianças beneficiadas pelo Projeto Cultural, sendo que os alunos da Rede Municipal de Ensino, com idade entre 4 e 6 anos, foram presenteados com exemplares da Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy”, obra de autoria da Dra. Marli Andrade, para levarem para suas casas, incentivando que seus lares se tornem ambientes leitores.


Na zona urbana de São João Evangelista também ocorreu o encontro com Pais e Familiares das crianças beneficiadas pelo Projeto Cultural, além de atividades específicas para a Comunidade Escolar quando participaram Educadores da Rede Municipal de Educação, da APAE e o alunado do curso Pós Médio em Educação Infantil.


Foram presenteados com a Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy” mais de 680 alunos da Rede Municipal de Educação e da APAE e distribuídos mais de 50 kits “Lili e Tedy do Educador” para os profissionais que participaram da oficina “Conceitos, estratégias e práticas para a construção de um ambiente psicossocial, motor, alfabetizador”.


O Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página” é uma iniciativa da Psicanalista Marli Andrade, com realização do Governo Federal, através do Ministério da Cultura, patrocínio da CENIBRA, através da Lei de Incentivo à Cultura, apoio do Instituto CENIBRA, e beneficiará nove municípios do Leste Mineiro durante a execução da Edição 2016.

 23 a 25 de maio – Paulistas/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

O primeiro dia da programação do Projeto Cultural no município de Paulistas, durante a execução da etapa de Produção/execução, foi com atividades direcionadas às Famílias das crianças beneficiadas, sendo que nas comunidades rurais de Currião da Cana Brava, Barra da Lagoa e Córrego dos Almeidas realizaram-se palestras com o tema “O doce desafio de alinhar a comunicação entre Família, Criança e Escola”. Na zona urbana, o encontro com as Famílias aconteceu na Escola Municipal Dona Otília Vitalina de Queiroz, localizada no centro da cidade.


A programação contou ainda com palestra sob o tema “Somos todos Educadores”, direcionada para Educadores em geral, Conselho Tutelar e Sociedade Civil, abordando os benefícios da atuação por meio da transversalidade para o alcance dos objetivos específicos de cada setor, impactando positivamente em toda a sociedade.


Encontros com Famílias também foram realizados na Pré-Escola Municipal Araci Soares Ribeiro, em dois períodos, e as crianças da Educação Infantil e do 1º ano do Ensino Fundamental foram presenteadas com Coleções Culturais “As minhas aventuras com Lili e Tedy”.


O último dia de atividades foi com a oficina “Conceitos, estratégias e práticas para a construção de um ambiente psicossocial, motor, alfabetizador”, direcionada aos Educadores que atuam na Educação Infantil, que proporcionou estratégias para a busca do equilíbrio emocional através do incentivo à leitura desde a primeira infância.


O encerramento da programação do Projeto Cultural no município de Paulistas foi com a palestra “Transformações que transformam o Ser, o Comportamento, a Sociedade – resgatando a real missão do Educador”, ministrada para os servidores da Secretaria Municipal de Educação e demais convidados.


O Projeto Cultural presenteou todo o alunado da Rede Municipal de Educação, das turmas da Educação Infantil e do 1º ano do Ensino Fundamental, com exemplares da Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy”, além dos alunos Especiais matriculados na Rede Municipal.


O Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página” é uma iniciativa da Psicanalista Marli Andrade, com realização do Governo Federal, através do Ministério da Cultura, patrocínio da CENIBRA, através da Lei de Incentivo à Cultura, e apoio do Instituto CENIBRA.

 16 a 20 de maio – Cantagalo/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

Cantagalo foi o primeiro município, dentre os nove beneficiados na edição 2016 do Projeto Cultural, que recebeu a etapa que tem o objetivo de presentear crianças matriculadas na Rede Municipal de Educação e alunos da APAE com a Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy”, obra de autoria da Psicanalista Marli Andrade.


A programação das ações técnicas proporcionou o contato com as crianças e suas Famílias, inclusive em comunidades rurais, com a realização de palestras com o tema “O doce desafio de alinhar a comunicação entre Família, Criança e Escola”. Além das atividades realizadas na sede do município, os povoados de Quebra Cangalha e Souto e as Comunidades Quilombola São Félix, Cabaçal e Barra da Mesa receberam a equipe técnica do Projeto Cultural.


A comunidade escolar foi contemplada com ações específicas para Educadores, como a oficina “Conceitos, estratégias e práticas para a construção de um ambiente psicossocial, motor, alfabetizador” e Educadores receberam o kit “Lili e Tedy do Educador”.  Ao final da execução da programação, crianças da Rede Municipal de Educação com idade entre 4 e 6 anos e os alunos da APAE receberam gratuitamente a Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy” e o registro total de presença nas atividades foi de mais de 400 pessoas, entre familiares, Educadores, Conselheiros Tutelares e representantes da sociedade civil.


O Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página” é uma iniciativa da psicanalista Marli Andrade, sob a Coordenação do Gestor de Projetos Paulo Henrique Silva, sendo uma realização do Governo Federal, através do Ministério da Cultura, patrocínio da CENIBRA por meio da Lei de Incentivo à Cultura e com o apoio do Instituto CENIBRA, que beneficiará, em 2016, nove municípios do Leste de Minas Gerais.

 08 de abril de 2016 – Virginópolis/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

Informativo-VIRGIN_POLIS-MG.png

 06 de abril de 2016 – Sabinópolis/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

informativo_Sabin_polis_MG.png

 03 de abril de 2016 – Vale do Rio Doce/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

As visitas técnicas da edição 2016 do Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página” foram iniciadas no mês de março, quando os municípios de Cantagalo, São João Evangelista e Paulistas receberam a equipe técnica responsável pela etapa de Pré-produção/preparação do Projeto, sendo uma iniciativa da psicanalista Marli Andrade, com realização do Governo Federal, através do Ministério da Cultura, patrocínio da CENIBRA por meio da Lei de Incentivo à Cultura e com o apoio do Instituto CENIBRA, que beneficiará, em 2016, nove municípios do Leste de Minas Gerais.


Durante duas semanas de atividades, foram realizadas apresentações, em cada município, do Projeto Cultural para Secretarias Municipais – Educação, Cultura, Saúde e Assistência Social, APAEs, Conselhos Tutelares, Câmaras de Vereadores e Ministério Público, contando com a receptividade de todos os interlocutores e com a adesão dos três municípios ao Projeto Cultural.


Nesta etapa, as visitas priorizaram, além das apresentações, o levantamento de informações para organização das atividades que serão realizadas em cada município, contemplando inclusive comunidades localizadas na Zona Rural.

Os beneficiários diretos do Projeto Cultural são crianças da Educação Infantil e alunos das APAEs que receberão gratuitamente as Coleções Culturais “As minhas aventuras com Lili e Tedy”, obra de autoria da Psicanalista Marli Andrade, com ilustrações de Luiz Carlos Óliver, sendo que também serão realizadas diversas atividades – entre palestras e oficinas – com familiares das crianças beneficiadas e profissionais na área da Educação, Cultura, Saúde, Assistência Social e sociedade civil.


Em abril as visitas técnicas terão continuidade e contemplarão os municípios de Sabinópolis e Virginópolis.

 31 de março de 2016 – Capelinha/MG

 A Psicanalista capelinhense Marli Andrade publica mais um livro

Marli Andrade autora do livro Primeiro você sonha, depois você dorme, obra que trata de estratégias para o alcance do equilíbrio emocional visando melhoria na qualidade de vida nas interações pessoais e profissionais, também publicou a Coleção Infantojuvenil As minhas aventuras com Lili e Tedy com dez títulos que objetivam abordar temas sobre autoconhecimento, autoestima, comportamento, interações, resgate de valores e valorização da família.


A Psicanalista aborda os referidos temas em palestras e qualificações em diversas instituições do país, sendo co-autora, juntamente com o Gestor de Projetos Paulo Henrique Silva, do Programa de Educação Infantil Psicossocial, Motora e Alfabetizadora que promovem em municípios por meio de parcerias e também através de Projetos Culturais aprovados pelo Ministério da Cultura.


Em 2016, Marli Andrade apresenta mais uma obra no âmbito da Educação, sob o índice para catálogo sistemático: 1. Educação Infantil: Educação – Câmara Brasileira do Livro CCD 372.21, registrado no ISBN

1.       Aprendizagem

2.       Educação Infantil

3.       Ensino

4.       Pedagogia

5.       Qualificação Profissional


I – Título Lili e Tedy do Educador


A obra Lili e Tedy do Educador propõe técnicas e estratégias para auxiliar os Educadores, sejam eles familiares ou professores, com objetivo de disponibilizar fundamentações teóricas e atividades para o trabalho com as crianças, a fim de oportunizar o alcance do equilíbrio emocional desde a primeira infância.

A primeira edição do livro Lili e Tedy do Educador será disponibilizada para o público do Projeto Cultural "Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página", em nove das cidades de abrangência da CENIBRA e do Instituto CENIBRA, sendo que em breve estará disponível na loja do site www.marliandrade.com.br para demais interessados.


Marli Andrade informou que todas as obras publicadas seguem o desejo de demonstrar os benefícios do equilíbrio emocional, independentemente da idade dos leitores. Ainda segundo ela, sujeito emocionalmente equilibrado é feliz e, portanto, promove a felicidade aos demais, construindo um ciclo de positividade onde quer que esteja.


Fonte: Portal Aconteceu no Vale

 23 de março de 2016 – Paulistas/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

12806229_583904368453461_2766302786206378947_n.png

 18 de março de 2016 – São João Evangelista/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

Informativo_SJE.jpg

 16 de março de 2016 – Cantagalo/MG

 Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página”

Informativo_Cantagalo.jpg

 13 de março de 2016 – TV Horizonte - Belo Horizonte/MG

 Programa Dedo de Prosa com Juarez Elisiário

A Psicanalista Marli Andrade participou do Programa Dedo de Prosa, primeiro programa da televisão brasileira voltado para a terceira idade e que completará 16 anos no ar em setembro deste ano, quando abordou o tema “Como dormir melhor”.


Apresentado pelo jornalista Juarez Elisiário, o programa é transmitido aos domingos, às 9h, terça-feira, 13h e 20h15, quinta-feira, às 13h, e aos sábados, às 19h, pela TV Horizonte de Belo Horizonte. O programa ainda é transmitido na TV Geraes, em Montes Claros/MG, TV Imaculada, em Campo Grande/MS e TV Nazaré, em Belém/PA.


É produzido pela Dedo de Prosa Produções e tornou-se referência na televisão brasileira por ser um espaço de discussão sobre o envelhecimento ativo da população.


O programa reúne semanalmente na plateia, integrantes de grupos de convivência de terceira idade. Caravanas de mais de 200 cidades do interior de Minas Gerais e de outros estados como Goiás, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Amapá, Bahia e Paraíba já participaram do programa.


O Dedo de Prosa apresenta quadros como receitas culinárias, entrevistas, atrações culturais e muita interatividade com o telespectador.


Você também pode acompanhar o Programa Dedo de Prosa pelo site www.programadedodeprosa.com.br.

 22 de fevereiro de 2016 – Brasília/DF

 Lili e Tedy do Educador - Fundação Biblioteca Nacional

A Psicanalista Marli Andrade registrou sua terceira publicação na Agência Brasileira do ISBN - International Standard Book Number da Fundação Biblioteca Nacional em Brasília/DF.


A obra intitulada “Lili e Tedy do Educador” obteve o código do sistema internacional que identifica os livros segundo o título, o autor, o país, a editora, individualizando-os inclusive por edição, sendo o número de identificação atribuído aos livros editados no país, estando de acordo com a Lei Federal 10.753/03, conhecida como a Lei do Livro, que institui a Política Nacional do Livro.


O livro “Lili e Tedy do Educador” surgiu como mais um instrumento do Programa de Educação Infantil Psicossocial, Motora e Alfabetizadora e com o objetivo de apresentar aos Educadores, sejam Professores ou Pais, conceitos, estratégias e práticas psicossociais, a partir dos temas da Coleção Cultural Infantojuvenil “As minhas aventuras com Lili e Tedy”.


A publicação compõe-se de duas partes. Uma fundamentada nos ideais que dizem respeito à busca de estratégias para o alcance do equilíbrio emocional e fortalecimento de vínculos desde a primeira infância, e a outra apresenta sugestões de estratégias e questionamentos sobre a prática pedagógica, convidando o Educador para a inserção de técnicas psicossociais e desenvolvimento de projetos no processo ensino aprendizagem, ampliando o grau de participação das crianças e com atenção ao desenvolvimento integral de cada criança, a fim de ampliarmos o debate acerca das indagações não apenas sobre a educação, mas também sobre a saúde e o desenvolvimento físico e psíquico, cultural, social e emocional.


A Câmara Brasileira do Livro emitiu a ficha catalográfica da publicação de acordo com a Lei do Livro e com o padrão internacional Cataloging in Publication – CIP. A CIP auxilia as bibliotecas na seleção e compra de livros, facilitando sua divulgação entre usuários; permite às editoras a organização de seus próprios arquivos, catálogos comerciais e matérias promocionais dentro de padrões uniformes e, por fim, proporciona aos livreiros informações concisas sobre as matérias abordadas nas obras, facilitando seu agrupamento por assunto e favorecendo sua veiculação.


A obra possui como índices para catálogo a área da Educação Infantil e Educação; e tem as palavras chaves Aprendizagem, Educação Infantil, Ensino, Pedagogia e Qualificação Profissional.

 12 de fevereiro de 2016 – Buritis/MG

 Encontro Pedagógico 2016 – Secretaria Municipal de Educação e Cultura

A Psicanalista Marli Andrade participou do Encontro Pedagógico que abriu o ano letivo da Educação Municipal de Buritis, município localizado no noroeste mineiro. Convidada pelo Professor Daniel Fonseca, Secretário Municipal de Educação e Cultura, proferiu a palestra "Valorização Profissional e Fortalecimento de vínculos", sendo que o evento contou com a participação de todo o quadro de Educadores do município.  Os Educadores e Educadoras presentes também foram agraciados com a apresentação do músico Carlos Azevedo, interpretando belíssimas canções ao som de seu saxofone.

12773093_1028727480499469_1610837184_o__1_.jpg

 16 de janeiro de 2016 – Capelinha/MG.

 Palestra “Mulher, equilíbrio emocional e felicidade” - Rede de Mulheres da Comunidade  Batista Vida Nova

Com o tema “Mulher, Equilíbrio Emocional e Felicidade”, Marli Andrade ministrou palestra para a Rede Mulheres de Fé na Comunidade Batista Vida Nova em Capelinha MG, durante o evento Encontro das Mulheres de Fé 2016. A primeira apresentação do ano contou com um rico debate entre Mulheres, seguido de abençoados louvores de gratidão a Deus pela vida e conquistas.

 04 de janeiro de 2016 – Vale do Rio Doce/MG

 Edição 2016 do Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada  página” aprovada pelo Ministério da Cultura

A nova etapa do Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página” foi aprovada pelo Ministério da Cultura. Na edição 2016 do Projeto, do qual a Psicanalista Marli Andrade é a proponente junto ao Governo Federal, serão atendidos municípios localizados, majoritariamente, na mesorregião do Vale do Rio Doce, Minas Gerais.


O Projeto irá distribuir gratuitamente a Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy”, de autoria de Marli Andrade, para 3.000 crianças da Educação Infantil das Redes Municipais de Ensino e APAEs de Cantagalo, Dores de Guanhães, Gonzaga, Paulistas, Sabinópolis, Santa Maria de Itabira, São João Evangelista, Sardoá e Virginópolis.


As ilustrações são de Luís Carlos Óliver, jovem talento de Angelândia/MG, e a Coordenação Geral está a cargo do Administrador e Gestor de Projetos Paulo Henrique Silva.


Além da distribuição gratuita da Coleção Cultural “As minhas aventuras com Lili e Tedy” serão realizadas atividades com Pais e Familiares das crianças beneficiadas e com Educadores que atuam com Educação Infantil e nas APAEs, com várias ações que serão realizadas nos municípios. A previsão do término da execução do Projeto Cultural “Criança que lê constrói uma sociedade melhor a cada página” é novembro de 2016.


Através da Lei de Incentivo à Cultura, a CENIBRA renovou o patrocínio ao Projeto, bem como o Instituto CENIBRA é a instituição apoiadora, reforçando o espírito de parceria com foco na Educação Infantil.


A CENIBRA é uma das maiores produtoras mundiais de celulose branqueada de fibra curta de eucalipto, foi fundada em 1973 e está localizada no leste de Minas Gerais, em Belo Oriente, atuando em 54 municípios. Além dos impostos que recolhe e dos empregos que gera, a empresa ainda desenvolve inúmeros programas que visam elevar os níveis de qualidade de vida das populações vizinhas.


Fundado em 2002, o Instituto CENIBRA tem como missão promover ações de apoio à cidadania, ao bem-estar coletivo, ao desenvolvimento social, ao crescimento econômico e à melhoria da qualidade de vida da população. O Instituto prioriza o desenvolvimento integrado dos 54 municípios de atuação, por meio de ações determinadas a partir da dispersão geográfica da base territorial, o Índice de Desenvolvimento Humano – IDH, a vocação econômica e identidade cultural das comunidades.

 

A parceria entre Governo Federal, através do Ministério da Cultura, a CENIBRA, o Instituto CENIBRA e a escritora e Psicanalista Marli Andrade está “Investindo na vida, desde a Primeira Infância”.